Às vezes, tudo o que a vida precisa é de um pouco de movimento.

background
Atividades para todas as idades, gostos, corpos e experiências.
Nossas modalidades são dividas em núcleos. São eles:
Mova-se
O núcleo “Mova-se” propõe atividades intensas, com base em diversas disciplinas que buscam dar ferramentas para experimentar desafios e aumentar a consciência dos limites. Está dividido em “Mova-se Dia” e “Mova-se Noite”.
Horários
Dança a Dois
O núcleo de “Dança a Dois” convida a desenvolver as linguagens de contato, condução e escuta. Partindo das danças de salão de tradição até novas técnicas de compartilhamento e improvisação.
Horários
Infantojuvenil
Através de diferentes estímulos, o núcleo “Infantojuvenil” convida a criança a desenvolver-se de maneira criativa, brincando com o seu próprio corpo por meio de técnicas de dança, teatro e acrobacias.
Horários
Urbanas e Populares
As aulas do núcleo”Urbanas e Populares” convidam os participantes a se expressarem através dos passos básicos, do improviso e de coreografias.
Horários
Dança Dia
O núcleo “Dança Dia” oferece diferentes modalidades, dando liberdade para você experimentar a dança em várias perspectivas dentro de um só núcleo.
Horários
Ponta e Flex
O núcleo “Ponta e Flex” propõe uma nova perspectiva sobre danças como Ballet e Jazz, além de vivenciar a liberdade da dança contemporânea.
Horários
Siga a Mutama
Instagram
  • Coreografia 9019 de @carlos_afd e @viniciusniu apresentada pelos alunos do núcleo de Urbanas e Populares no Sarau da Mutama no dia 06 de julho de 2019.
  • Coreografia "Vai Menina" da prof @tataavieira desenvolvida na aula de Urban Funk apresentada no Sarau da Mutama no dia 06 de julho de 2019.
  • Qual é a melhor festa junina do mundo e por que a Mutaiá? 📸 @sastahelin
  • Coreografia "Autenticamente Falando" da turma de Zouk produzida pro Sarau da Mutama, apresentada no dia 06 de julho de 2019.
  • Não percam gente, uma abordagem prática, divertida e segura para se trabalhar equilíbrio nas mãos, quem acertar a vivência até segunda (dia 15) ganha 10 reais de desconto. Qualquer dúvida ou pra fazer a inscrição é só entrar em contato com @viniciusniu
#handstand #handbalancing #acrobatics
  • Coreografia pelo prof @diegotavaresfloripa desenvolvida com os alunos frequentantes da aula de House Dance do núcleo de Danças Urbanas e Populares apresentada no Sarau da Mutama no dia 06 de julho de 2019.
  • Dia 06 de julho de 2019
  • Laboratório da Ubuntu em um jogo de improviso no Sarau da Mutama no dia 06 de julho de 2019.
  • @lotus.acoustic com @andrebackes_ e @isadoramachry  no nosso querido Sarau do dia 06 de julho de 2019
  • Esse dia frio e lindo pede um #Repost da @tatileme abrindo seu coração 💚 ⬇️
・・・
Danço com alguém(ns) há 14 anos. No papel de mulher, ou melhor, de dama sempre tentei me enquadrar, sendo a melhor conduzida que eu poderia ser. Mais que isso: charmosa, não atrapalhando a condução do homem, respondendo rápido, esperando ser convidada para dançar.
⠀⠀⠀⠀⠀
Sem me dar conta, eu já era uma dama pra frentex: comecei a dar aula muito rápido e muito nova, falava muito em aula, aprendi a conduzir ao mesmo tempo em que aprendia a ser conduzida. Sempre fui muito pró-ativa: fazia muitas aulas, organizei congressos, dirigi Cia de dança, viajei para dar cursos.
⠀⠀⠀⠀⠀
Percebi-me, então, querendo um pouco mais. Ir mais a fundo, pesquisar, dialogar uma conversa em que eu pudesse escolher falar, mais ainda, em que alguém estivesse disposto a também me escutar. Mais mais ainda: sem nenhum parceiro de dança. Mais mais mais ainda: queria que todes pudessem se sentir atraídos por tantos estilos incríveis que as danças a dois possuem. Independente de gênero, orientação sexual, vontade de conduzir mais ou seguir mais.
⠀⠀⠀⠀⠀
Foi aí então que um mundo novo desabrochou! E o velho mundo abriu um abismo perto de mim. Vi-me abrindo porta para novas pessoas. Vi muitas das antigas se afastarem. Vi-me rodeada de um mundo novo que faz muito sentido. Vi o velho mundo me virando as costas. Fui ficando só.
⠀⠀⠀⠀⠀
Só eu. Essa mulher que dá muitas aulas sozinha. Mas não só aulas feitas para mulheres. Aulas para duplas. Aulas de dança para todes. Uma mulher pessoa que acredita no poder de cura e de transformação da dança. Que acredita na conexão que só se alcança ao se dançar pele com pele, músculo com músculo. Um ser humano que acredita no poder de escolha dentro de uma dança, sem julgamentos de forma, mas prezando a sensação. Sensibilizando outros seres humanos para uma vida melhor com relações mais saudáveis.
⠀⠀⠀⠀⠀
Texto: meu 
Foto: @maludias.fotografia @maludias.fotografia 
#dançadesalãocontemporânea #conduçãocompartilhada #conducaocompartilhada #zoukbrasileiro #dancadesalao #dançaadois #dancaadois #dançaaduas #floripa #mutama
  • Nesse sábado tem SEGUNDO SARAU DA MUTAMA e a programação tá, ó! 👌 INCRÍVEL!

Vai ter música, poesia, 20 apresentações de dança, brechó, exposições e venda de trabalhos de alunos e alunas pela escola, flash tattoo e comidas e bebidas!
⠀⠀⠀
A gente te espera aqui na Mutama a partir das 17h!
⠀⠀⠀
Recados importantes:
➡️Não há lugar marcado para assistir às apresentações, por isso chegue cedo!
➡️Se quiser traga um tapetinho ou almofada para se acomodar melhor no chão.
➡️Traga dinheiro! Apenas o brechó, copos da Mutama e o flash tattoo aceitam cartão! ➡️Traga seu copo! NÃO teremos copo de plástico no evento, se quiser também pode comprar o lindo copo da Mutama 😎!
⠀⠀⠀
Os ingressos são contribuição espontânea a partir de R$5,00. À venda somente no dia e pagamento 💰somente em dinheiro 💰, tá, mores?!⠀⠀⠀
⠀⠀⠀
Marca aqui quem você quer que vá com você ou que vá te assistir! 👇
  • Entenda a função do movimento nas nossas vidas para além da saúde física, nas palavras do nosso querido aluno 💚
#Repost @marcosmaes
・・・
Essa foto, pra mim, tem total ligação com o mês do orgulho LGBTQIA. Ao longo do tempo, o meu corpo e a minha mente foram trancados em uma prisão. Essa prisão, a qual eu não fiz nada para merecê-la, foi construída com grades sólidas de  machismo, misoginia e LGBTfobia. Eu não podia simplesmente ser eu, eu tinha que "ter a voz grossa", "não falar baixo", "não falar tão alto","não falar o S com o xtchizzz no final", "não dançar", "não rebolar", "não gesticular", "andar como macho",..., até o absurdo de "não poder ter o corpo flexível". Exatamente. 
Após uma aula em que eu e as meninas nos destacamos por sermos flexíveis, a minha professora de educação física do 1º do ensino médio "explicou" que as mulheres tem mais flexibilidade do que os homens por conta de sua fibras musculares; Pronto, eu era motivo de chacota em todas as "saudáveis " aulas de educação física que tinham alongamento. Com tantos nãos, eu passei a me policiar o tempo inteiro para não parecer feminino e evitar que os olhares de julgamento se voltassem para mim.
Com o passar do tempo e com o empoderamento que a comunidade LGBTQIA me proporcionou, essa vergonha se transformou em orgulho e eu pude explorar, testar, conhecer e reconhecer o meu corpo, suas potencialidades e limitações, o que tem se representado um ótimo processo de cura pra mim.⠀⠀⠀⠀⠀
Traçando um paralelo com a história recente de nosso país, eu sinto que todo o destaque que a comunidade LGBTQIA recebeu esse ano, o apoio ao dia do orgulho, a qualificação do debate sobre as cicatrizes da opressão que nos é imputada, a criminalização da homofobia, entre outros, tem sido um processo de cura para toda a nossa comunidade.
Por isso, essa ponte da foto é tão simbólica pra mim.
⠀⠀⠀
"Ano passado eu morri, mas esse ano eu não morro" Belchior
⠀⠀⠀
Muito obrigado @marcelo.lana @viniciusniu @instadamutama @marianabdls @samizunino @laissirt @tatileme, por fazerem parte disso.
📷 @sastahelin
.
.
.
.
#pride #lgbtpride #lgbtqia #orgulhogay #gaypride #instagay #instalove #acro #ponte #orgulho #lgbtq
Inscreva-se para mais informações
Faça Parte
Telefones
(48) 3879-9300
(48) 98818-1321
Faça uma visita!
Estamos localizados na Rua Cap. Pedro Bruno de Lima, 47 Trindade, Florianópolis - SC, 88036-230